PORTUCÁLIA

Maio 23 2012

A greve nas linhas do metrô e da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) foi uma ação política, visando prejudicar o governo em ano eleitoral. A declaração é do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Em entrevista a José Luiz Datena e Agostinho Teixeira, na Rádio Bandeirantes, ele criticou a paralisação. 

“Eu não tenho dúvida de que haja interesse eleitoreiro, além de disputas internas do sindicato”, afirmou Alckmin. “É uma greve que está prejudicando fortemente a população”. 

Alckmin disse que o governo tentou negociar, mas os sindicalistas não aceitaram. “A faixa salarial do funcionário do metrô é superior ao que recebem os usuários. Se dermos o reajuste que eles pedem, teríamos de aumentar a tarifa”, afirma. 

De quebra, o governo voltou a chamar os sindicalistas de “grupelho radical”. “O mais grave foi eles descumprirem totalmente a determinação de manter a operação em 100% no horário de pico”. 

publicado por portucalia às 15:28

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



PORTUCÁLIA é um blog que demonstra para os nossos irmãos portugueses como o governo brasileiro é corrupto. Não se iludam com o sr. Lula.Textos literários e até poesia serão buscados em vários autores.
mais sobre mim
Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11

13
18


27


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO