PORTUCÁLIA

Maio 20 2012

EVANGELHO QUOTIDIANO

Senhor, a quem iremos? Tu tens palavras de vida eterna. João 6, 68


Domingo, dia 20 de Maio de 2012

Ascensão


Festa da Igreja : Ascensão do Senhor (semana III do saltério)
Santo do dia : São Bernardino de Sena, presbítero, +1444,  Santo Arcângelo Tadini, presbítero, fundador, +1912 

Ver comentário em baixo, ou carregando aqui 
Concílio Vaticano II: «Pai santo, Tu que a Mim Te deste, guarda-os em Ti, para serem um só» 

Evangelho segundo S. Marcos 16,14-20.

Naquele tempo, Jesus apareceu aos  Onze
e disse-lhes: «Ide pelo mundo inteiro, proclamai o Evangelho a toda a criatura. 
Quem acreditar e for baptizado será salvo; mas, quem não acreditar será condenado. 
Estes sinais acompanharão aqueles que acreditarem: em meu nome expulsarão demónios, falarão línguas novas, 
apanharão serpentes com as mãos e, se beberem algum veneno mortal, não sofrerão nenhum mal; hão-de impor as mãos aos doentes e eles ficarão curados.» 
Então, o Senhor Jesus, depois de lhes ter falado, foi arrebatado ao Céu e sentou-se à direita de Deus. 
Eles, partindo, foram pregar por toda a parte; o Senhor cooperava com eles, confirmando a Palavra com os sinais que a acompanhavam. 



Da Bíblia Sagrada - Edição dos Franciscanos Capuchinhos - www.capuchinhos.org 



Comentário ao Evangelho do dia feito por : 

Concílio Vaticano II 
Constituição sobre a Igreja «Lumen gentium», §32 (trad. © Libreria Editrice Vaticana) 

«Pai santo, Tu que a Mim Te deste, guarda-os em Ti, para serem um só»

A Santa Igreja, por instituição divina, é organizada e governada com uma variedade admirável. «Assim como num mesmo corpo temos muitos membros, e nem todos têm a mesma função, assim, sendo muitos, formamos um só corpo em Cristo, sendo membros uns dos outros» (Rm 12, 4-5). 


Um só é, pois, o Povo de Deus: «um só Senhor, uma só fé, um só Baptismo (Ef 4,5); comum é a dignidade dos membros, pela regeneração em Cristo; comum a graça de filhos, comum a vocação à perfeição; uma só salvação, uma só esperança e uma caridade indivisa. Nenhuma desigualdade, portanto, em Cristo e na Igreja, por motivo de raça ou de nação, de condição social ou de sexo, porque «não há judeu nem grego, escravo nem homem livre, homem nem mulher: com efeito, em Cristo Jesus, todos vós sois um» (Gl 3,28 gr.; cfr. Cl 3,11). 


Portanto, ainda que, na Igreja, nem todos sigam pelo mesmo caminho, todos são, contudo, chamados à santidade, e a todos coube a mesma fé pela justiça de Deus (cfr. 2 Pe 1,1). Ainda que, por vontade de Cristo, alguns sejam constituídos doutores, dispensadores dos mistérios e pastores em favor dos demais, reina, porém, igualdade entre todos quanto à dignidade e quanto à actuação, comum a todos os fiéis, em favor da edificação do corpo de Cristo.

publicado por portucalia às 16:29

PORTUCÁLIA é um blog que demonstra para os nossos irmãos portugueses como o governo brasileiro é corrupto. Não se iludam com o sr. Lula.Textos literários e até poesia serão buscados em vários autores.
mais sobre mim
Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11

13
18


27


pesquisar
 
blogs SAPO