PORTUCÁLIA

Julho 11 2013

EVANGELHO QUOTIDIANO

"Senhor, a quem iremos? Tu tens palavras de vida eterna". João 6, 68


Quinta-feira, dia 11 de Julho de 2013

S. Bento


Santo do dia : São Bento, abade, patrono da Europa, +547 

Ver comentário em baixo, ou carregando aqui 
Paulo VI : São Bento, patrono da Europa 

Livro de Provérbios 2,1-9.

Meu filho, se receberes as minhas palavras e guardares cuidadosamente os meus mandamentos, 
prestando o teu ouvido à sabedoria, e inclinando o teu coração ao entendimento; 
se invocares a inteligência e fizeres apelo ao entendimento, 
se a buscares como se procura a prata e a pesquisares como um tesouro escondido, 
então, compreenderás o temor do Senhor e chegarás ao conhecimento de Deus. 
Porque o Senhor é quem dá a sabedoria e da sua boca procedem o saber e o entendimento. 
Ele reserva a salvação para os rectos e é um escudo para os que procedem honestamente. 
Protege os caminhos dos justos e dirige os passos dos seus fiéis. 
Então, compreenderás a justiça e a equidade, a rectidão e todos os caminhos que conduzem ao bem; 


Evangelho segundo S. Mateus 19,27-29.

Naquele tempo, Pedro disse a Jesus: «Nós deixámos tudo e seguimos-te. Qual será a nossa recompensa?» 
Jesus respondeu-lhes: «Em verdade vos digo: No dia da regeneração de todas as coisas, quando o Filho do Homem se sentar no seu trono de glória, vós, que me seguistes, haveis de sentar-vos em doze tronos para julgar as doze tribos de Israel. 
E todo aquele que tiver deixado casas, irmãos, irmãs, pai, mãe, filhos ou campos por causa do meu nome, receberá cem vezes mais e terá por herança a vida eterna. 



Da Bíblia Sagrada - Edição dos Franciscanos Capuchinhos - www.capuchinhos.org 



Comentário do dia: 

Paulo VI (1897-1978), papa de 1963 a 1978 
Carta apostólica de 24/10/1964 «Pacis nuntius» 

São Bento, patrono da Europa


Mensageiro da paz, artesão da unidade, mestre da civilização, e principalmente arauto da religião de Cristo e fundador da vida monástica no Ocidente – eis os títulos que justificam a fama de São Bento, abade. Numa altura em que o Império Romano estava a chegar ao fim e em que as regiões da Europa se afundavam nas trevas e outras regiões desconheciam ainda a civilização e os valores espirituais, ele permitiu, pelo seu esforço constante e assíduo, que se erguesse sobre este continente a aurora de uma nova era. Foram principalmente ele e os seus filhos que, com a cruz, o livro e a charrua, levaram o progresso cristão às populações que iam do Mediterrâneo à Escandinávia, da Irlanda às planícies da Polónia. 


Com a cruz, isto é, com a lei de Cristo, firmou e desenvolveu a organização da vida pública e privada. Convém recordar que ensinou aos homens a primazia do culto divino com o Ofício divino, ou seja, a oração litúrgica e assídua. […] Depois, com o livro, ou seja, a cultura: numa altura em que o património humanista corria o risco de se perder, São Bento, conferindo renome e autoridade a tantos mosteiros, salvou a tradição clássica dos antigos com providencial solicitude, transmitindo-a intacta à posteridade e restaurado o amor pelo saber. 


E finalmente com a charrua, quer dizer, com a agricultura e outras iniciativas análogas, conseguiu transformar terras desertas e incultas em campos férteis e jardins graciosos. Unindo a oração ao trabalho manual, de acordo com a célebre injunção «Ora et labora» («Reza e trabalha»), enobreceu e elevou o trabalho do homem. Foi por tudo isto que o Papa Pio XII saudou em São Bento o «pai da Europa».




publicado por portucalia às 15:53

PORTUCÁLIA é um blog que demonstra para os nossos irmãos portugueses como o governo brasileiro é corrupto. Não se iludam com o sr. Lula.Textos literários e até poesia serão buscados em vários autores.
mais sobre mim
Julho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9





pesquisar
 
blogs SAPO