PORTUCÁLIA

Junho 13 2013

EVANGELHO QUOTIDIANO

"Senhor, a quem iremos? Tu tens palavras de vida eterna". João 6, 68


Quinta-feira, dia 13 de Junho de 2013

S. António de Lisboa, presbítero e doutor - festa


Santo do dia : Santo António de Lisboa, presbítero, Doutor da Igreja, +1231 

Ver comentário em baixo, ou carregando aqui 
Bento XVI: «Vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão; depois, volta para apresentar a tua oferta» 

2ª Carta aos Coríntios 3,15-18.4,1.3-6.

Irmãos: Até hoje, todas as vezes que lêem Moisés, o véu permanece estendido sobre o coração dos filhos de Israel.
Mas, quando se converterem ao Senhor, o véu será tirado. 
Ora, o Senhor é o Espírito e onde está o Espírito do Senhor, aí está a liberdade. 
E nós todos que, com o rosto descoberto, reflectimos a glória do Senhor, somos transfigurados na sua própria imagem, de glória em glória, pelo Senhor que é Espírito. 
Por isso, investidos neste ministério que nos foi concedido por misericórdia, não perdemos a coragem, 
Se, entretanto, o nosso Evangelho continuar velado, está velado para os que se perdem, 
para os incrédulos, cuja inteligência o deus deste mundo cegou, a fim de não verem brilhar a luz do Evangelho da glória de Cristo, que é imagem de Deus. 
Pois, não nos pregamos a nós mesmos, mas a Cristo Jesus, o Senhor, e nos consideramos vossos servos, por amor de Jesus. 
Porque o Deus que disse: das trevas brilhe a luz, foi quem brilhou nos nossos corações, para irradiar o conhecimento da glória de Deus, que resplandece na face de Cristo. 


Evangelho segundo S. Mateus 5,20-26.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Se a vossa justiça não superar a dos doutores da Lei e dos fariseus, não entrareis no Reino do Céu.» 
«Ouvistes o que foi dito aos antigos: Não matarás. Aquele que matar terá de responder em juízo. 
Eu, porém, digo-vos: Quem se irritar contra o seu irmão será réu perante o tribunal; quem lhe chamar 'imbecil’ será réu diante do Conselho; e quem lhe chamar 'louco’ será réu da Geena do fogo. 


Se fores, portanto, apresentar uma oferta sobre o altar e ali te recordares de que o teu irmão tem alguma coisa contra ti, 
deixa lá a tua oferta diante do altar, e vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão; depois, volta para apresentar a tua oferta. 
Com o teu adversário mostra-te conciliador, enquanto caminhardes juntos, para não acontecer que ele te entregue ao juiz e este à guarda e te mandem para a prisão. 
Em verdade te digo: Não sairás de lá até que pagues o último centavo.» 



Da Bíblia Sagrada - Edição dos Franciscanos Capuchinhos - www.capuchinhos.org 



Comentário do dia: 

Bento XVI, papa de 2005 a 2013 
Homilia de 29/05/2005, proferida no Congresso eucarístico de Bari 

«Vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão; depois, volta para apresentar a tua oferta»


É o único e mesmo Cristo que está presente no pão eucarístico em todos 
os lugares da terra. O que significa que só podemos estar com Ele através 
dos outros; que só podemos recebê-Lo na unidade. E não é precisamente 
isso que nos diz o apóstolo Paulo? [...] Na epístola aos coríntios, o 
Apóstolo declara: «Uma vez que há um único pão, nós, embora sendo 
muitos, formamos um só corpo, porque todos nós comungamos do mesmo pão» 
(1Cor 10,17). A consequência desta afirmação é muito clara: não 
podemos comungar com o Senhor se não comungarmos uns com os outros; se 
queremos apresentar-nos a Ele, temos também de ir ao encontro dos outros. 
É por isso que temos de aprender a grande lição do perdão: não 
permitir que a nossa alma seja consumida pelo ressentimento, abrir o nosso 
coração à magnanimidade da escuta do outro, abrir o nosso coração à 
compreensão do outro. [...]A eucaristia é, repitamos, o sacramento da 
unidade. Infelizmente, os cristãos encontram-se divididos, precisamente a 
propósito do sacramento da unidade. Sustentados pela eucaristia, devemos 
sentir-nos a incitados a tender com todas as forças para esta unidade 
plena, recordando que Cristo a desejou ardentemente no Cenáculo (Jo 
17,21-22). [...] Gostaria de reafirmar a minha vontade de assumir o 
compromisso fundamental de trabalhar com todas as minhas forças na 
reconstrução da unidade plena e visível de todos os discípulos de 
Cristo. Tenho consciência de que para tal não bastam as manifestações 
de bons sentimentos; de que são precisos gestos concretos, que penetrem na 
alma e abanem as consciências, empurrando cada um de nós para essa 
conversão interior que é o pressuposto de qualquer progresso na rota do 
ecumenismo.

publicado por portucalia às 14:35

PORTUCÁLIA é um blog que demonstra para os nossos irmãos portugueses como o governo brasileiro é corrupto. Não se iludam com o sr. Lula.Textos literários e até poesia serão buscados em vários autores.
mais sobre mim
Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12

16




pesquisar
 
blogs SAPO