PORTUCÁLIA

Setembro 29 2012


Há 104 anos falecia noo Rio de Janeiro o maior dos nossos escritores, MACHADO DE ASSIS.  Foi o fundador da Academia Brasileira de Letras e autor de romances que  vale sempre ler e reler.  LEMBRO  aqui as Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dom Casmurro, Quincas Borba.  Para o seu encantamento deixo este poema de tanta beleza e sabedoria. 




Círculo Vicioso

Bailando no ar, gemia inquieto vaga-lume:
- Quem me dera que fosse aquela loura estrela,
que arde no eterno azul, como uma eterna vela !
Mas a estrela, fitando a lua, com ciúme:

- Pudesse eu copiar o transparente lume, 
que, da grega coluna á gótica janela,
contemplou, suspirosa, a fronte amada e bela !
Mas a lua, fitando o sol, com azedume:

- Misera ! tivesse eu aquela enorme, aquela 
claridade imortal, que toda a luz resume !
Mas o sol, inclinando a rutila capela:

- Pesa-me esta brilhante aureola de nume... 
Enfara-me esta azul e desmedida umbela...
Porque não nasci eu um simples vaga-lume?

Machado de Assis

publicado por portucalia às 14:40

PORTUCÁLIA é um blog que demonstra para os nossos irmãos portugueses como o governo brasileiro é corrupto. Não se iludam com o sr. Lula.Textos literários e até poesia serão buscados em vários autores.
mais sobre mim
Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12

20
21

27

30


pesquisar
 
blogs SAPO